domingo, 30 de maio de 2010

Musa

Li seus poemas
e me vi ali, escrita.
Cada musa tem
o poeta que merece.

Um comentário:

Tânia regina Contreiras disse...

Seja bem-vinda, Lenita. Sentia falta dos seus versos. Gostei muito de "Cada musa tem o poeta que merece!".

Beijos
Tania